Desvende a história e entenda os leilões do Hospices de Beaune

São mais de 600 anos de tradição, cultura e conhecimento. Saiba mais sobre os leilões do Hospices de Beaune e conheça a trajetória do hospital que se tornou referência em enologia.


Até o século 14, o Hospices Civils de Beaune era a residência dos duques da Borgonha. O vilarejo borgonhês é cercado por mais de 2 km de muralhas datadas dos séculos XV e XVI. Hoje, é reconhecido mundialmente como parte fundamental da história dos vinhos franceses e, anualmente, os olhos de enólogos, sommeliers e enófilos se voltam para o famoso leilão do Hospices de Beaune.

Todo terceiro domingo de novembro, barris de vinho produzidos a partir dos 58 hectares de vinhedos localizados entre Aloxe-Corton e Meursault são negociados com interessados do mundo todo que, ao adquirirem a barrica, ficam responsáveis pela “finalização” do vinho. Este é um dos maiores eventos de caridade do mundo e de grande relevância para apreciadores e especialistas em vinhos. O valor arrecadado é convertido em melhorias nas instalações médicas e cirúrgicas do hospital, que atende a população da cidade. Outras instituições também são agraciadas com valores arrecadados com a venda de barris específicos.

Falar do Hospices de Beaune é mergulhar na história de uma das regiões mais ricas e expressivas da França, a Borgonha. Abaixo, conheça os detalhes do hospital de caridade que se firmou como um dos produtores de vinho mais aclamados do mundo.


Hospices de Beaune: a história do hospital de caridade

O Hôtel-Dieu foi fundado por Nicolas Rolin no século XV, mais especificamente em 1443, para prestar atendimento à população local. A instalação, fortemente influenciada pela arquitetura flamenga, ostenta um pátio principal, com um elegante poço de ferro gótico e telhados cobertos com azulejos de padronagens inconfundíveis. Entretanto, desde os anos 80 não recebe mais pacientes, tendo sido convertido em um museu. Atualmente, os 23 mil residentes de Beaune recebem atendimento no Center Hospitalier de Beaune, também localizado dentro da propriedade.

Os vinhedos de posse do hospital foram doados na época de Rolin por homens e mulheres que viam na doação das vinhas uma forma de ajudar os seus semelhantes e outros são doados até hoje. Os fundos arrecadados durante a venda dos vinhos, são destinados a instituições de caridade do Hospices de Beaune e utilizados para melhoria de equipamentos de assistência, modernização de infraestrutura, conservação de monumentos históricos, incluindo a Hôtel-Dieu.

Além disso, desde 1945, os Hospices apoiam uma ou mais associações de caridade, representadas por personalidades, doando para essas causas os lucros da venda de um barril de vinho chamado “Peça do Presidente”.

 

A cronologia e a evolução leilões de Beaune

1443: em um contexto de miséria e fome, Nicolas Rolin, o Chanceler do Duque da Borgonha, Philippe Le Bon, e sua esposa, Guigone de Salins, fundaram o Hôtel-Dieu em Beaune para ajudar os doentes e necessitados. Desde a sua criação, o hospital foi financiado por doações em dinheiro, terrenos, imóveis e, naturalmente, na Borgonha, em videiras.

1457: Jean Pamplays e sua esposa doaram a primeira videira ao Hospices de Beaune e seu exemplo foi seguido por muitos outros, ao longo dos séculos. Desde então, os fundos arrecadados, graças à venda dos produtos das vinhas doadas, foram destinados ao financiamento de atos de caridade dos hospitais.

1795 ― 1859: os vinhos do Hospices foram vendidos em leilão, pela primeira vez, em 1795. A partir de então os meios se alternam, vendendo por tratado privado ou por leilão. A partir de 1859, a venda em leilão se estabeleceu em sua forma atual. Como esse método tradicional consome bastante tempo, hoje é mantido exclusivamente para a venda da Sala dos Presidentes.

1945 ― 1978: a partir da safra de 1945, um Presidente Honorário ficou responsável por cada venda de vinho. A primeira pessoa foi Sua Excelência Jefferson Caffery, embaixador dos EUA na França. Sua presença ilustrou o desejo do Hospices de Beaune de se estender para o mundo.

2005 ― 2011: o Hospices de Beaune confiam à Christie’s a organização ou a sua venda de vinhos, combinando tradição e modernidade. A famosa casa de leilões traz seu conhecimento, implementando as formas mais modernas de atrair lances de todo o mundo, enquanto realiza degustações em muitos países.

2012 ― 2014: desde 2012, importantes investimentos foram realizados na adega. Todas as mesas de classificação foram aprimoradas, assim como o sistema de controle de temperatura para as cubas de fermentação. Em 2014, um novo vinho branco foi oferecido pela primeira vez: o Beaune Blanc Premier Cru Les Montrevenots Cuvée Suzanne e Raymond.

2015 – Ludivine Griveau passou a assumir o cargo de Regisseur (enóloga chefe), sucessora do respeitado Roland Masse, uma grande responsabilidade que carrega com muito entusiasmo. É a primeira mulher a comandar a produção dos vinhos do Hospices. Sua dedicação e grande conhecimento garante o nível de excelência em todo o processo. Seu primeiro leilão com as cuvées de safra 2015 bateu um recorde desde 1851.


A tradição do Hospices de Beaune ao seu alcance

A Anima Vinum participa do leilão do Hospices de Beaune todo ano.

Depois de adquiridas, as barricas de 220 litros (equivalente a quase 300 garrafas) permanecem amadurecendo na Borgonha durante dois anos antes de serem trazidas ao Brasil.

Além de importar os vinhos, nos empenhamos em trazer para perto a história e quem acompanha de perto a produção dos vinhos. Em 2018, a enóloga responsável pela elaboração dos vinhos, Ludivine Griveau, veio ao país a convite da Anima Vinum para uma degustação “en primeur” da sua primeira safra 2015. No ano seguinte, François Poher, diretor da instituição, esteve no Brasil para degustações na sede da Anima.

Em 2019 inauguramos o primeiro acervo fora da França, com todas as 50 Cuvées oferecidas no Leilão de Hospices de Beaune. Com safras 2013, 2014, 2015, 2016 e 2017. No Brasil, esses vinhos chegam pelas mãos da Anima Vinum, e estão disponíveis para venda.

Conheça os seletos vinhos do Hospices de Beaune disponíveis na Anima Vinum.

FILTROS DE BUSCA

  • TIPO

  • REGIÃO

  • PRODUTOR

  • UVA

  • SAFRA

  • Limpar filtros